O que você achou do nosso site?



07/02/2019
Pecuária registra crescimento na Capital do Arroz do Estado


O ano começou bem para o agronegócio em Massaranduba, com destaque para a rizicultura, que em 2018, registrou produtividade acima da média na região Norte do Estado, segundo a Epagri: 160 sacas de arroz por hectare. Outros setores, como a piscicultura, bananicultura, plantio de palmáceas e agroindústria também comemoram os bons resultados. A pecuária tem conquistado um novo espaço na Capital do Arroz de SC, em especial, o sistema de confinamento de bovinos para corte. Um exemplo disso é a propriedade da família Fauth. Udo e Rubem, pai e filho, destinaram parte de sua propriedade para a criação de bovinos, com foco na fase da cria. Para isso, pastagens foram reformadas e novas áreas implantadas para a alimentação adequada do rebanho. 

O sistema de produção adotado pela família é a pasto e a reprodução se dá por meio da inseminação artificial. Atualmente, a propriedade conta com 40 animais e vem desenvolvendo a técnica conhecida como IATF (inseminação por tempo fixo). “Esta técnica consiste na inseminação das fêmeas sem a necessidade da observação do cio. Para isso, são utilizados métodos hormonais que promovem a sincronização de cio das fêmeas e, dessa forma, é possível programar o período da inseminação”. Quem explica é o técnico em agropecuária Marcos Fernando Chaves, que no dia 26, participou da realização do protocolo na propriedade. Novos procedimentos estão programados para o mês de fevereiro, e contam com o apoio da Secretaria de Agricultura de Massaranduba.

Fonte: Jornal do Vale do Itapocu


 Voltar  Enviar para um amigo  Imprimir

 20/02/2019 - Cotação Diária do Boi Gordo em 19/02/19
 20/02/2019 - Apesar dos detratores, a demanda por carne bovina cresceu em ritmo acelerado
 20/02/2019 - Boi: Volume de animais abatidos no BR se eleva em 2018
 20/02/2019 - Boi gordo tem queda no preço
 20/02/2019 - Previsão do Tempo para esta Quinta-feira (21/02/2019)

 
 

Nome
E-mail